SPORT CLUB DO RECIFE

SPORT CLUB DO RECIFE

Títulos Campeão Brasileiro de Futebol da 1a Divisão - 1987. Campeão da Copa do Brasil de 2008. Campeão Brasileiro de Futebol da 2a Divisão - 1990. Tri-campeão de Futebol Profissional da Copa Nordeste - 1994, 2000 e 2014. Campeão do Torneio Norte e Nordeste - 1968.Estaduais 40 vezes Campeão Pernambucano de Futebol Profissional 1916, 1917, 1920, 1923, 1924, 1925, 1928, 1938, 1941, 1942, 1943, 1948, 1949, 1953, 1955, 1956, 1958, 1961, 1962, 1975, 1977, 1980, 1981, 1982, 1988, 1991, 1992, 1994, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000, 2003, 2006, 2007, 2008, 2009 e 2010, 2014 4 vezes Campeão Invicto - 1917, 1941, 1998 e 2009. 1 Supercampeonato - 1981 5 vezes Bicampeão - 1916-17, 1948-49, 1955-56, 1961-62, 1991-92 3 vezes Tricampeão - 1923-25, 1941-43, 1980-82 2 Pentacampeonatos - 2000 e 2010Estaduais O maior campeão do século XX. O que mais ganhou títulos em uma década.

terça-feira, 19 de junho de 2012

Hamilton está fora do Sport


Hamilton recebe cartão vermelho - Fotógrafo: SportNet Imagem

O volante Hamilton está fora da Ilha do Retiro. A saída do atleta começou a ser desenhada após notícias darem conta que o Sport teria lhe oferecido ao Atlético de Goiás para ter o meia-atacante Elias em troca. O presidente do Leão, a direção e a comissão Rubro-Negra negaram a notícia e informaram ao atleta (uns em conversa direta e outros pela imprensa) que ele fazia parte dos planos do clube, mesmo assim Hamilton alegou estar “sem cabeça” e se recusou a viajar para Salvador, onde o Sport enfrentou o Bahia no domingo (17).

O Sport ainda poderia perdoar Hamilton depois dele se negar a viajar e pretendia se reunir com o atleta na segunda (18) para tentar contornar todos os problemas, no entanto ele desligou o celular e ficou incomunicável, algo que irritou a todos no Sport. Por isso o clube nem esperou se reunir com o jogador e tomou a decisão de tirá-lo dos seus planos, de afastá-lo do elenco principal e de liberá-lo para procurar outro lugar para trabalhar. “Já está determinado que o Hamilton vai treinar em separado até encontrar um novo clube e seguir a sua vida. O Hamilton fazia parte dos nossos planos e dissemos isso a ele, então nada justificava ele se recusar a enfrentar o Bahia.”, disse o diretor de futebol Guilherme Beltrão, que confirmou o “desaparecimento” do jogador: “Pretendíamos conversar com ele e comunicar essa decisão para ele, mas ele não atendeu o telefone. O supervisor (Edmilson Santos) tentou falar com ele, mas as ele não atendeu. Ele está incomunicável”.

Hamilton tem 31 anos e estava em sua terceira passagem pelo Sport. Ele tem 161 jogos pelo clube, dois gols marcados e dois títulos conquistados (os Campeonatos Pernambucanos de 2006 e 2009).

Pedro Jorge / Redação SportNet

Um comentário:

homero gomes disse...

olá, acho um desrespeito dessa diretoria rubro-negra para com seus jogadores, pois com dutra fizeram a mesma coisa, sempre atacando de surpresa como se dar uma satisfação ao jogador, fosse muito para eles.Onde está a consideração perante os feitos do atleta no clube? Acredito que outros jogadores fiquem de orelhas em pé em relação a esta atitude incomunicada. Obrigado, Homero.